Sociedade de Papel: escultura retrata relações sociais

Home/Colégio, Fundamental II/Sociedade de Papel: escultura retrata relações sociais

Sociedade de Papel: escultura retrata relações sociais

 

A arte como propagadora de reflexões sobre as relações em sociedade está expressada na Escultura “Sociedade de Papel”, criada pelos 7º anos A, B e C do Ensino Fundamental II, inspirada no Livro Cidadão de Papel, de Gilberto Dimenstein.

O trabalho orientado pelo professor de artes do Instituto Nossa Senhora da Glória – INSG/Castelo, Ricardo de Lucia, está exposto no pátio do segmento de ensino e foi desenvolvido utilizando apenas papel, fita crepe e spray dourado.

“A escultura visa uma reflexão sobre as fragilidades de uma sociedade que, se desunida, não cumpre os seus reais ofícios: a igualdade de direitos e a justiça social”, diz o professor na apresentação do trabalho.

Além de uma bela obra, a escultura representa a unificação de povos e culturas distintas, enfatizando suas diferenças, com o intuito de demonstrar a força da sociedade.

 

Texto e Fotografia: Moira Paula

Assessoria de Comunicação Salesiana

2019-06-13T15:42:02+00:00 13 junho, 2019|Colégio, Fundamental II|