São João Bosco: pai e mestre da juventude            

Home/Colégio, Pastoral/São João Bosco: pai e mestre da juventude            

São João Bosco: pai e mestre da juventude            

Neste dia 31 de janeiro, comemora-se a memória de São João Bosco, fundador da Congregação Salesiana, considerado “o pai e mestre da juventude”.

João Melchior Bosco Occhiena nasceu 16 de agosto de 1815 em uma família muito humilde, na aldeia del Becchi, perto de Morialdo em Castelnuovo (ao norte da Itália). Com apenas 9 anos de idade teve um sonho no qual viu muitos meninos blasfemando e brigando. No sonho, Jesus Cristo apareceu e lhe explicou que devia ganhar os meninos com a mansidão e a caridade, tendo como professora a própria Virgem Maria.

Anos depois ingressou no seminário e em 1841 foi ordenado sacerdote. A partir de então, deu início ao oratório salesiano, no qual todo domingo se reunia com centenas de meninos, dedicando-se assim, a estender sua obra. Já no final da década de 1850 fundou os Salesianos, por meio do modelo São Francisco de Sales. Fundou também as Filhas de Maria Auxiliadora e os Cooperadores Salesianos e, apenas com doações, construiu a Basílica de Nossa Senhora Auxiliadora (em Turim) e a Basílica do Sagrado Coração (em Roma). Dom Bosco faleceu e 31 de janeiro de 1888, sendo canonizado em 1924 e beatificado em 1929.

Na audiência Geral no Vaticano, nessa quarta-feira, 30, o Papa Francisco fez uma breve reflexão sobre o “bom sacerdote”, afirmando que “Dom Bosco soube levar o abraço de Deus a todos os jovens que encontrou, oferecendo a eles uma esperança, uma casa, um futuro”. Na ocasião, o Santo Padre incentivou que “seu testemunho ajude todos nós a considerarmos o quanto é importante educar as novas gerações nos autênticos valores humanos e espirituais”.

Texto: Moira Paula
Foto: Rede Salesiana Brasil – RSB
Assessoria de Comunicação Salesiana

2019-01-31T11:18:12+00:00 31 janeiro, 2019|Colégio, Pastoral|